Câmara de Buritizeiro participa de manifestação por solução nas estradas da região

A Câmara de Buritizeiro participou ativamente das manifestações realizadas, na última semana, em prol de investimentos e melhorias na infraestrutura das rodovias e estradas da região. Em parceria com a Associação de Câmaras e Vereadores da Área Mineira da Sudene (AVAMS), o Poder Legislativo organizou ações em Buritizeiro, visando conscientizar a população para mobilizá-la para o Movimento Vale Lutar por nossas Estradas.

Com a participação dos vereadores, os representantes da AVAMS e de outros municípios, percorreram as principais ruas de Buritizeiro, através de uma carreata, para convocar o povo buritizeirense na busca por essa conquista tão fundamental para o desenvolvimento da região. Para isso, um abaixo assinado está sendo alimentado com assinaturas recolhidas nos municípios do norte de Minas.
Segundo a AVAMS, o objetivo é demonstrar o apelo popular com o maior número possível de assinaturas que serão anexadas a um relatório das condições caóticas das estradas que ligam as cidades, para reivindicar providências junto ao governador Romeu Zema. Estão inseridas neste contexto, os pedidos de recapeamento da MG-496, que liga Pirapora a Corinto, de asfaltamento dos trechos entre Ponto Chique, São Romão e Santa Fé de Minas e da pavimentação completa entre Buritizeiro e Cachoeira do Manteiga e da Buritizeiro e Brasilândia.
Para o presidente da Câmara, vereador Walmir Júnior, a possibilidade de repactuação no acordo de indenização com a Samarco, pela tragédia de Mariana, é a grande oportunidade para a solução dos problemas tão antigos das estradas da região. “Há anos estamos lutando por isso. Em 2021, enviamos ao governador um ofício solicitando essa prioridade e estamos monitorando as negociações desse novo acordo. Nosso povo tem sofrido demais com as más condições dessas estradas, o que dificulta muito a vida das famílias da Zona Rural e o desenvolvimento do agronegócio”. Lembrou Walmir Junior.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *